Início Coluna Cirurgias bariátricas em crianças e adolescentes aumentam 20%. Entenda como é feito o procedimento

Cirurgias bariátricas em crianças e adolescentes aumentam 20%. Entenda como é feito o procedimento

Cirurgião especialista em cirurgia bariátrica, Dr. Fábio Rodrigues, explica os cuidados necessários para realizar o procedimento em adolescentes

por Redação CPAH

Por Dr. Fábio Rodrigues.

De acordo com um novo levantamento publicado pelo na revista médica JAMA Network, houve um aumento de quase 20% entre 2020 e 2021 nas cirurgias bariátricas realizadas em jovens americanos entre 10 e 19 anos.

O aumento dos procedimentos tem relação direta com o crescimento dos casos de obesidade infantil, segundo um relatório divulgado no Atlas da Obesidade 2022, publicado pela World Obesity Federation, até 2030 estima-se que 23,12% das crianças com idade entre 5 e 9 anos e 18,60% dos adolescentes entre 10 e 19 anos irão ter obesidade.

No entanto, para que uma cirurgia do tipo seja feita em adolescentes são necessários uma série de cuidados especiais para garantir a segurança e efetividade do procedimento, como explica o cirurgião especialista em cirurgia bariátrica, Dr. Fábio Rodrigues.

A cirurgia bariátrica é um último recurso para casos envolvendo adolescentes, estratégias alternativas, com abordagens não cirúrgicas são as mais indicadas em casos menos graves, no entanto, quando ela é realmente necessária são necessários alguns cuidados importantes”.

São realizados diversos exames prévios, acompanhamento psicológico e multidisciplinar com o paciente para apoiar o adolescente e identificar sua elegibilidade para o procedimento ou pontos que precisam de atenção durante a cirurgia. Também é recomendado a realização de exames de raio-X dos punhos dos pacientes, a fim de avaliar o estágio de formação e consolidação das epífises de crescimento ósseo. Isso permite compreender o desenvolvimento e a maturidade óssea do paciente, evitando que o procedimento tenha impacto negativo em seu crescimento saudável”.

Essas medidas são essenciais para garantir a segurança e o bem-estar dos adolescentes submetidos à cirurgia bariátrica, permitindo uma abordagem cuidadosa e personalizada para cada caso” Explica Dr. Fábio Rodrigues.

Sobre Dr. Fabio Rodrigues

Doutor Fábio Rodrigues é graduado em Medicina desde 2003, com especialização em cirurgia geral e bariátrica, além de pós-graduação em cirurgia minimamente invasiva. Atua como cirurgião da obesidade e das doenças metabólicas desde 2015 e já acumula mais de 1.500 cirurgias realizadas. Atualmente, além das cirurgias bariátricas, vem concentrando também seu foco na performance dos pacientes após a cirurgia. 

Alguns destaques

Deixe um comentário

vinte − sete =

Translate »