Início ColunaBem Estar Consumo excessivo de frutas secas pode trazer diversos malefícios à saúde

Consumo excessivo de frutas secas pode trazer diversos malefícios à saúde

Embora as frutas secas sejam ricas em nutrientes e ofereçam diversos benefícios à saúde, o consumo excessivo pode levar a alguns sintomas indesejáveis.

por Redação CPAH

Embora as frutas secas sejam ricas em nutrientes e ofereçam diversos benefícios à saúde, o consumo excessivo pode levar a alguns sintomas indesejáveis. A seguir, detalhamos os principais:

Problemas digestivos:

  • Diarreia: O alto teor de fibras nas frutas secas pode causar diarreia, especialmente em indivíduos com sensibilidade ou que não estão habituados ao consumo regular.
  • Constipação: O consumo excessivo de algumas frutas secas, como figos e tâmaras, ricas em taninos, pode ter o efeito contrário, levando à constipação intestinal.
  • Inchaço e gases: As fibras presentes nas frutas secas podem fermentar no intestino, causando inchaço abdominal, gases e flatulência, principalmente em pessoas com Síndrome do Intestino Irritável (SII).

Problemas de saúde:

  • Aumento de peso: As frutas secas são calóricas e ricas em açúcares naturais. O consumo excessivo pode contribuir para o ganho de peso, especialmente se não for equilibrado com a prática de exercícios físicos.
  • Hiperglicemia: O alto teor de açúcar nas frutas secas pode elevar os níveis de glicose no sangue, sendo um risco para pessoas com diabetes ou pré-diabetes.
  • Problemas renais: O consumo excessivo de algumas frutas secas, como amêndoas, castanhas e nozes, ricas em fósforo, pode sobrecarregar os rins, especialmente em pessoas com problemas renais pré-existentes.
  • Cálculos biliares: O consumo excessivo de frutas secas com alto teor de oxalato, como figos, damascos e tâmaras, pode aumentar o risco de formação de cálculos biliares.

Outros sintomas:

  • Dor de cabeça: O consumo excessivo de frutas secas, principalmente damasco e uva passa, pode desencadear dor de cabeça em algumas pessoas devido à presença de tiramina, um composto que pode causar constrição dos vasos sanguíneos.
  • Alergias: Algumas pessoas podem ter alergias a determinadas frutas secas, como amendoim, nozes e castanhas, apresentando sintomas como coceira, urticária, inchaço e até mesmo dificuldades respiratórias em casos graves.

Recomendações:

  • Moderação: A chave para aproveitar os benefícios das frutas secas sem preocupações é o consumo moderado. A quantidade recomendada varia de acordo com a idade, sexo, nível de atividade física e estado de saúde. Em geral, 30-50 gramas por dia é considerado um consumo moderado.
  • Variedade: Consuma diferentes tipos de frutas secas para obter uma variedade de nutrientes e reduzir o risco de efeitos adversos.
  • Hidratação: Beba bastante água para auxiliar na digestão e evitar problemas renais.
  • Consciência: Preste atenção ao seu corpo e aos sinais de desconforto. Se sentir algum sintoma após o consumo de frutas secas, reduza a quantidade ou elimine-as da sua dieta.
  • Orientação profissional: Consulte um nutricionista ou médico para obter uma avaliação personalizada e determinar a quantidade ideal de frutas secas para você.

Alguns destaques

Deixe um comentário

cinco × um =

Translate »