Início Notícias Hormônio pode ser a chave que leva a prevalência de Alzheimer em mulheres

Hormônio pode ser a chave que leva a prevalência de Alzheimer em mulheres

por Maria Andrade

Pesquisadores da Academia Chinesa de Ciências descobriram que um  hormônio produzido após a menopausa estimula uma das vias do cérebro, pode ser o fator responsável pelo desenvolvimento da Doença de Alzheimer em mulheres. Há anos, estatísticas e estudos clínicos mostram que a Doença de Alzheimer aparece duas vezes mais em mulheres que em homens. Mas a causa deste fenômeno não era conhecida, até agora.

 

Em um artigo publicado na revista Nature, a equipe liderada pelo professor Keqiang Ye, do Instituto de Tecnologia Avançada de Shenzhen (SIAT) da Academia Chinesa de Ciências, explicou que o aumento do hormônio folículo-estimulante (FSH) estimula uma área no cérebro chamada via C/EBP/AEP, também conhecida como vias colinérgicas.

A equipe conseguiu estabelecer, desde 2018, uma relação entre a ativação seletiva dessas vias e o desenvolvimento de doenças degenerativas. A partir de então, eles começaram a testar hormônios femininos, que são drasticamente alterados depois da menopausa, para tentar entender quais deles estavam ligados aos problemas de saúde.

Foi identificado que o FSH é o que tem maior correspondência com a estimulação seletiva da via C/EBP/AEP. Para demonstrar essa descoberta, os pesquisadores usaram diferentes métodos. O próximo passo da equipe é entender a relação entre genes específicos, como o ApoE4, e o desenvolvimento da doença.

Alguns destaques

Deixe um comentário

error: Conteúdo protegido! NÃO É PERMITIDO COPIAR !!