Início Produções CientíficasArtigos Científicos Estudo realizado com mais de um milhão de participantes indica que a velocidade mental é aguçada até os 60 anos

Estudo realizado com mais de um milhão de participantes indica que a velocidade mental é aguçada até os 60 anos

por Redação CPAH

De acordo com uma pesquisa publicada na revista científica digital Nature Human Behaviour, o cérebro, órgão considerado como o núcleo de inteligência e aprendizagem do corpo humano, permanece afiado até os 60 anos de idade. Essa descoberta vai de encontro às hipóteses de que a velocidade de processamento mental diminui a partir do início da fase adulta.  

O estudo, realizado por pesquisadores da Universidade de Heidelberg, na Alemanha, contou com 1,2 milhão de participantes de idades variadas, indo dos 10 aos 80 anos. Os achados revelaram que a velocidade mental permaneceu relativamente estável entre 30 e 60 anos, mas o cuidado ao tomar decisões tende a aumentar com a idade. 

Para chegar a esse resultado, os pesquisadores utilizaram uma tarefa online para estimar o tempo de tomada de decisão das pessoas. A atividade contava com uma série de imagens , as quais os participantes, apertando botões diferentes, deveriam dividi-las em duas categorias (boa ou ruim).

Os cientistas explicaram que a tarefa envolve processos distintos, como velocidade mental, definida na pesquisa como a taxa na qual o ser humano processa informações antes de tomar uma decisão, cuidado na tomada de decisão e o tempo envolvido para, de fato, apertar o botão e colocar a imagem em determinada categoria. 

Utilizando modelos matemáticos, os pesquisadores puderam estabelecer a velocidade com que as pessoas finalizaram cada parte do processo, e descobriram que a velocidade mental de processamento de informações não começou a diminuir até os 60 anos de idade, ainda que o tempo médio para concluir a atividade tenha piorado após os 20 anos.

Os responsáveis pelo estudo acrescentam que, além dos fatores analisados na pesquisa, a tomada de decisão possui diversos aspectos, sendo possível, assim, que fatores como opiniões previamente formadas também afetem a velocidade desse processo. 

Link do estudo: https://www.nature.com/articles/s41562-021-01282-7

Alguns destaques

Deixe um comentário

error: Conteúdo protegido! NÃO É PERMITIDO COPIAR !!